Última hora

Última hora

Repressão sangrenta na Síria

Em leitura:

Repressão sangrenta na Síria

Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades sírias reprimiram violentamente os manifestantes anti-regime na localidade de Deraa. Fontes da oposição falam em pelo menos 15 mortos esta quarta-feira. As forças governamentais dispararam contra centenas de jovens que desfilavam na cidade do sul do país. Este é o sexto dia de protestos em Deraa contra o regime do partido Baas que dura há 48 anos. O presidente Bachar al-Assad sucedeu ao seu pai, Hafez al-Assad, no ano 2000 mas não foram realizadas reformas políticas. Os opositores reclamam o fim do estado de emergência instaurado em 1963 e da repressão política.

As autoridades investiram sobre a mesquita Omari em Deraa. A televisão do Estado difundiu imagens de armas e dinheiro apreendidos na operação e acusou um bando armado de estar na origem da morte de cinco pessoas na noite de terça para quarta-feira.