Última hora

Última hora

Rebeldes líbios preparam assalto a Adjabiya

Em leitura:

Rebeldes líbios preparam assalto a Adjabiya

Tamanho do texto Aa Aa

O enviado da EuroNews à Líbia esteve, durante a tarde desta sexta-feira, numa zona controlada pelos rebeldes, que esperavam uma reacção das forças afectas ao regime.

Mesmo em tempo de guerra, há quem não se esqueça dos agradecimentos a Nicolas Sarkozy.

Não chão, estão os despojos de dias sangrentos. O enviado da EuroNews estima que as próximas horas sejam ainda piores:

“Aqui é o ponto nevrálgico do conflito entre as forças de Kaddafi e as forças da oposição. Este lado está sob o controle das oposições e como se vê, atrás de mim, este território está sob o controle das forças de Kaddafi.

Também o centro de cidade de Ajdabiya está sob o controle de Kaddafi. Estes grupos garantem que, dentro de alguns minutos, marcharão sobre a cidade. Começará então um assalto em grande”.

O ânimo é grande e há também muito ódio a motivar os rebeldes.

As forças de Kadafi dizem que, com os tanques, não podem responder ao fogo da coligação internacional.

“Os nossos tanques estão no solo e não podem atingir os aviões. Há explosões e só a colina nos separa da cidade de Ajdabiya”

Do lado contrário, há mais optimismo:.

“Nós precisamos de apoio do exterior. Eu acredito em Allah. Nós precisamos de lança-granadas, porque eles têm tanques e nós não temos tanques. Mas mesmo com seus tanques nós vamos deitá-los abaixo”.

O comandante deste pelotão é um estudante de engenharia, de 24 anos, sem experiência militar

Tudo indicia que haverá combates sangrentos, nas próximas horas, pelo controle de Ajdabiya.