Última hora

Última hora

UE alarga sanções contra Líbia

Em leitura:

UE alarga sanções contra Líbia

Tamanho do texto Aa Aa

A União Europeia vai alargar as sanções contra a Líbia. No Conselho Europeu em Bruxelas os líderes dos 27 concordaram em bloquear as transações financeiras respeitantes à venda de petróleo e gás do regime de Muammar Kadafi. O objetivo é impedir o recrutamento de mercenários.

O presidente francês Nicolas Sarkozy falou do comando militar da NATO. “A coordenação tem que ser política mesmo estando ligada à máquina da Aliança Atlântica”, disse.

O debate sobre a Líbia ficou de certa forma relegado para segundo plano face à crise político financeira em Portugal.

Sergio Cantone, correspondente da Euronews, faz o ponto da situação. “Algum progresso sobre a Líbia especialmente sobre a NATO, mesmo sem que se saiba quem vai comandar as operações militares. E também houve um pobre progresso sobre o euro, porque a Finlândia pode bloquear e adiar até Junho uma decisão final sobre o fundo de estabilidade.

O tema do dia foi sem dúvida a crise em Portugal, que poderá ter comprometido a sobrevivência sem a intervenção do FMI, depois de José Sócrates ter apresentado demissão.

As agências de notação financeira voltaram a baixar a classificação do risco da dívida portuguesa.