Última hora

Última hora

Japão luta contra a falta de combustível

Em leitura:

Japão luta contra a falta de combustível

Tamanho do texto Aa Aa

O Japão tenta voltar ao normal, duas semanas após o terremoto e consequente maremoto.
 
Sendai, a maior cidade do norte do país, foi uma das mais afetadas. A falta de combustível é um grande obstáculo para o quotidiano das pessoas, como testemunha o enviado da Euronews, Chris Cummins. “À medida que o Japão se vai reerguendo depois do desastre natural de 11 de março, o combustível torna-se cada dia mais escasso. Aqui na cidade de Sendai, no norte do país, as estradas estão congestionadas com filas de carros para as bombas de gasolina. É muito difícil circular.
Os japoneses passam o fim de semana à procura de combustível.”
 
Com as estradas a abarrotar, com a falta de combustível e com a destruição dos vários edifícios, os supermercados começam a ficar vazios.
 
As autoridades começaram já a racionar os alimentos.
 
Os japoneses enfrentam as filas pacientemente e de forma ordeira.
 
Apesar de toda a tragédia, os nipónicos são contidos e organizados e isso ajuda a diminuir o caos.