Última hora

Última hora

Iémen: transição iminente?

Em leitura:

Iémen: transição iminente?

Tamanho do texto Aa Aa

No Iémen agrava-se o descontentamento popular.

Nas ruas da capital, Sanaa, a população recebeu com descontentamento declarações do presidente segundo as quais está preparado para abandonar o cargo se lhe for dada a oportunidade de partir com dignidade.

A oposição, contudo, acusa-o de estar a tentar ganhar tempo.

No poder há 32 anos, Ali Abdullah Saleh afirma que a sua saída do governo poderá desencadear uma guerra civil no país.

Desde janeiro que os confrontos se têm sucedido no Iémen, um movimento inspirado pelos levantamentos populares na Tunísia e no Egito.

Este país, vizinho da Arábia Saudita, é visto como abrigando elementos da rede Al-Qaida que poderão servir-se do vácuo no poder para consolidarem a sua posição.