Última hora

Última hora

Pastor evangélico não se sente responsável

Em leitura:

Pastor evangélico não se sente responsável

Tamanho do texto Aa Aa

Um dos responsáveis pela queima do Corão foi o controverso pastor evangélico da Florida que já tinha feito uma aparição mediática em Setembro do ano passado quando ameaçou incendiar o livro sagrado do Islão.

Terry Jones reagiu ao que aconteceu no Afeganistão. Referiu “não sentir-se culpado”, pelo contrário, a violência, disse, “deu razão ao argumentos de que existe um ingrediente radical no Islão”.

No dia 20 de Maio Jones supervisionou o Corão a ser queimado por outro pastor chamado Wayne Sapp num julgamento encenado em que o livro sagrado foi considerado “culpado”.