Última hora

Última hora

Falta tudo nas zonas da guerra líbia

Em leitura:

Falta tudo nas zonas da guerra líbia

Tamanho do texto Aa Aa

Um residente em Misrata, uma das cidades mais fustigadas pelos combates falou esta terça-feira com a euronews e deu conta de todas as dificuldades logísticas que se verificam na cidade, depois de semanas de guerra.
 
Falta tudo, especialmente a água e a alimentação. Socorrer os líbios de Misrata, é, na suas palavras, “ajudar a Deus”: 
 
“A água foi cortada por cerca de duas semanas, a eletricidade foi cortada por três dias e os alimentos são escassos, agora, para as pessoas.
 
Ninguém tem o controle disto,  porque há  luta de atiradores furtivos e os snipers ocupam lugares no centro da cidade. Alguém que saia à rua pode ser morto.
 
Nós não podemos falar com ninguém de fora da cidade, exceto com algumas pessoas que têm telefones satélite. Há pessoas que permanecem aqui, mas em locais desconhecidos”.
 
A cidade está a precisar de comida. Se alguém puder enviar alimentos para a cidade, estará a dar uma boa e santa ajuda à  Líbia”.
  
O testemunho de um residente que está a viver de perto, com os rebeldes, que desafiam o poder da Kadafi.
 
As dificuldades são enormes e ninguém sabe quando irão acabar.