Última hora

Última hora

Portugal negoceia entrada do FMI no país

Em leitura:

Portugal negoceia entrada do FMI no país

Tamanho do texto Aa Aa

As negociações entre Portugal e as instituições internacionais arrancam nos próximos dias.

A Comissão Europeia e o Fundo Monetário Internacional já receberam o pedido formal de ajuda externa feito pelo Executivo português demissionário.

À entrada para a reunião de ministros das Finanças da UE, em Godollo, na Hungria, o ainda responsável pela pasta portuguesa referia que o valor deste resgate será acordado entre as autoridades portuguesas, a Comissão e o Banco Central Europeu. A duração deste empréstimo é também fator a ter em conta, segundo Teixeira dos Santos.

A entrada do FMI em Portugal tornou-se inevitável depois da falta de acordo quanto ao PEC IV entre o governo português e a oposição. Uma situação que desencadeou o pedido de demissão do executivo socialista.

Resta saber se os pedidos de ajuda se ficam por aqui. As autoridades espanholas acreditam que Portugal será o último país, da UE, a recorrer à ajuda externa. Espanha que vive também uma situação dramática com a escalada do desemprego e dos preços.

Esta quinta-feira milhares de jovens manifestaram-se, em Madrid, contra as medidas de austeridade do governo de Zapatero.