Última hora

Última hora

Presidente do Iémen recusa proposta para transferência do poder

Em leitura:

Presidente do Iémen recusa proposta para transferência do poder

Tamanho do texto Aa Aa

Ingerência em assuntos internos. É desta forma que o presidente do Iémen classifica proposta de mediação das monarquias do Golfo Pérsico.

O Conselho de Cooperação do Golfo que integra a Arábia Saudita, Qatar, Emirados Árabes Unidos, Omã e Kuwait previa a saída de Abdallah Saleh e a transferência do poder para o vice-presidente.

Perante milhares de apoiantes que se manifestaram na capital, o chefe de Estado no poder há 32 anos disse recusar aquilo a que chama de “conspiração contra a democracia.”

Uma democracia que poucos reconhecem:

“O presidente não fez nada pelo povo. Tem comido e comprado propriedades e as pessoas têm cada vez menos. Alguns manifestantes travam uma autêntica batalha para conseguir comida” afirma um homem.

Há mais de dois meses que milhares de iemenitas exigem a demissão do presidente.

Os protestos desta sexta-feira, na cidade de Taiz, no sul do país, terminou com dezenas de feridos.