Última hora

Última hora

Rebeldes denunciam carregamentos de armas para Kadhafi

Em leitura:

Rebeldes denunciam carregamentos de armas para Kadhafi

Tamanho do texto Aa Aa

Apoio material. É o que promete o grupo de contacto para a Líbia para ajudar a rebelião. Mas o tipo de material está a dividir os chefes da diplomacia britânico e italiano. Um fala de meios de técnicos, o outro de armas de autodefesa.

Certas, dizem os rebeldes, são as armas que todos os dias chegam ao coronel líbio:

O porta-voz do Conselho de Transição garante que, esta terça-feira, entraram no país 500 carros oriundos da Argélia carregados de armas. Segundo Mahmoud Shammam os carregamento também se fazem por mar através da Europa de leste, por onde estão a entrar armas de fabrico russo e tanques utilizados em Misurata.

A situação humanitária agrava-se de dia para dia.

Para dar resposta às necessidades da população civil, os rebeldes estão dispostos a trocar petróleo por alimentos

O coordenador da ajuda humanitária das Nações Unidas para a Líbia apela ao contributo financeiro de todos os governos para que seja possível continuar a prestar assistência no terreno.