Última hora

Última hora

França e Grã-Bretanha reafirmam unidade quanto à crise Líbia

Em leitura:

França e Grã-Bretanha reafirmam unidade quanto à crise Líbia

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente francês Nicolas Sarkozy e o primeiro-ministro britânico, David Cameron, reuniram-se quarta-feira, em Paris, e manifestaram o desejo de uma pressão maior da parte dos seus aliados na NATO e a vontade de intensificar as operações militares contra as forças do coronel Kadafi.

David Cameron afirma que já foi fornecido equipamento aos rebeldes:

“ Nós já lhes demos equipamento de comunicações, telefones satélite, e vamos dar coletes de proteção, que o exercito britânico já não precisa. Estarei atento a todas as formas de podermos ajudar estas pessoas.”

Grã-Bretanha e França, líderes da coligação em auxílio da oposição líbia, comprometeram-se a trabalhar numa concertação diplomática a fim de reaproximar as diversas iniciativas por uma solução política do conflito. E assim evitar que Kadafi se aproveite das diferenças para se manter no poder.