Última hora

Última hora

Kadaffi ataca na zona do petróleo

Em leitura:

Kadaffi ataca na zona do petróleo

Tamanho do texto Aa Aa

As forças do coronel Muahmmar Kadaffi fustigaram, este sábado, com mais de 100 rockets, as posições dos rebeldes, na cidade de Misrata.

A informação foi prestada aos jornalistas por um porta-voz dos insurgentes.

A mesma fonte adiantou que se tratou do terceiro dia consecutivo de bombardeamentos, na região.

Mas o porta-voz do governo desmente esta versão e pede provas:

“Nós desafiamo-los a provarem isso. O uso de bombas, como se sabe, é uma evidência que dura há dias e semanas. A comunidade internacional está em massa no nosso país. Por isso, nós não podemos fazer isso, não podemos fazer nada que nos incrimine, toda a gente ia dizer que éramos criminosos”

Há também registo de intensos combates a oeste da cidade de Ajdabiya.

Os civis, sobretudo os imigrantes continuam a ser evacuados.

Aparentemente, trata-se de uma tentativa do exército, para travar o avanço dos rebeldes, na direcção do centro petrolífero de Brega.

Os relatos das agências internacionais realçam as trocas de tiros de morteiro, de rockets e de armas automáticas.

Os rebeldes continuam a sua progressão, no mesmo sentido dos raids da Nato, contra as forças governamentais.

Nesta altura, poderão ter já uma frente militar a 35 quilómetros de Brega.

Esta distância pode ser reduzida, se os aviões da Nato continuarem a abrir caminho, dizem os rebeldes.