Última hora

Última hora

Nigéria elege presidente

Em leitura:

Nigéria elege presidente

Tamanho do texto Aa Aa

Nigerianos vão às urnas este sábado, para eleger o presidente da república.

Na grelha de partida, estão 20 candidatos, mas as sondagens indicam que apenas dois deles têm possibilidades de vitória.

Nos cadernos eleitorais, estão inscritos mais de 73 milhões de eleitores, distribuídos por 120 mil assembleias de voto.

O escrutínio está a ser observado com a máxima atenção, pela situação geo-estratégica da Nigéria, pela sua importância económica e cultural.

É o país africano com tecnologia mais desenvolvida, na exploração de petróleo.

Uma eleitora diz que este momento é “crucial”:

“Esta eleição é crucial, é um dia eleitoral, como nunca tivemos outro. Queremos eleger o nosso lider nacional, um presidente, alguém que dê uma direcção à Nigéria”.

A campanha eleitoral decorreu em ambiente tranquilo, pertubado, no entanto, pela explosão de duas bombas, ao princípio da tarde, no nordeste do país.

Um dos favoritos é o actual presidente, Goodluck Jonathan, cristão, de 53 anos.

Foi o primeiro presidente vindo do Delta do Niger, a região petrolífera do sul.

Tem, como principal adversário, um velho conhecido, Muhammadu Buhari, um muçulmano de 69 anos, que dirigiu a Junta Militar, nos anos 80.

Tem feito uma campanha baseada na necessidade de disciplinar os serviços públicos do país.

Há uma semana houve eleições legislativas, consideradas justas, pelos observadores internacionais.