Última hora

Última hora

Líbia: feridos e imigrantes evacuados de Misrata, novamente bombardeada

Em leitura:

Líbia: feridos e imigrantes evacuados de Misrata, novamente bombardeada

Tamanho do texto Aa Aa

Misrata é a imagem da devastação. Cercada há dois meses pelas forças de Muammar Kadhafi, a cidade rebelde no oeste da Líbia foi intensamente bombardeada nos últimos três dias.

Segundo um fotógrafo da agência France Press, eram visíveis nas ruas os restos de bombas de fragmentação, armamento proibido por uma convenção internacional que o regime líbio nega estar a usar.

A ONG Médicos Sem Fronteiras anunciou a evacuação de uma centena de feridos, que saíram de Misrata por mar em direção à Tunísia.

A Organização Internacional para as Migrações enviou ontem uma segunda embarcação para permitir também a saída de alguns dos milhares de imigrantes refugiados no porto da cidade.

A Leste, os raides aéreos da NATO facilitaram a progressão dos rebeldes de Ajdabiya em direção ao porto petrolífero de Brega.

No bastião rebelde de Benghazi, centenas de pessoas participaram este sábado em vários funerais, entre os quais o de um comandante da rebelião.