Última hora

Última hora

Líder da oposição volta a ser detido

Em leitura:

Líder da oposição volta a ser detido

Tamanho do texto Aa Aa

Kizza Besigye ficou em prisão preventiva depois de ter sido presente a tribunal, por ter participado em mais uma ronda de protestos contra a subida dos preços.

Para dispersar os populares, que se insurgiram contra a detenção, a polícia lançou gás lacrimogéneo. Os incidentes ocorreram em Kampala, a capital do país.

O governo acusa Besigye de querer desencadear uma revolta como a que ocorreu no Egipto. O líder da oposição não responde mas lança acusações.

“Penso que a polícia, os tribunais, estão a ser julgados, são eles que vão ter que demonstrar que sabem agir no interesse dos cidadãos e do país”.

Os protestos na capital ugandesa começaram desde que Besigye foi derrotado nas eleições de Fevereiro. Desde então tem liderado marchas de protesto contra o aumento dos preços dos alimentos e combustível.