Última hora

Última hora

Síria: abolido estado de emergência

Em leitura:

Síria: abolido estado de emergência

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente sírio promulgou o decreto para levantar o estado de emergência, em vigor há 48 anos.

Um gesto para serenar os ânimos do movimento de contestação que apelou, entretanto, a uma nova jornada de luta para esta Sexta-Feira Santa.

O repto foi lançado através das redes sociais e dirige-se, sobretudo, aos mais de dois milhões de católicos que vivem na Síria e que, até agora, se têm mantido à margem dos protestos contra o regime de Bashar al-Assad.

O governo já avisou que não vai tolerar mais manifestações.

Indiferentes às ameaças, milhares de pessoas mostram-se determinadas a levar o protesto até ao fim.

No nordeste do país, os manifestantes que desfilaram junto à universidade de Hasaka foram identificados e, posteriormente, detidos. Os estudantes foram impedidos de se juntarem ao protesto.

O ambiente na cidade de Homs, no centro da Síria, é tenso. As ruas estão, hoje, repletas de polícias à paisana.