Última hora

Última hora

Violência em espaço sagrado

Em leitura:

Violência em espaço sagrado

Tamanho do texto Aa Aa

Foi junto ao túmulo de José que ocorreram os incidentes desta manhã, de que resultaram a morte de um israelita e ferimentos em mais cinco.

Trata-se de um local sagrado, tanto para judeus, como para muçulmanos, na cidade de Naplouse, na Cisjordânia.

As peregrinações de judeus, por razões de segurança, são limitadas a 200 pessoas. Mas os colonos têm desafiado as normas do exército, fomentando visitas de mais larga escala.

A Autoridade Palestiniana, através de um porta-voz, responsabiliza o Governo hebraico:

“Nós temos um comité da investigação. Mas foi este comportamento dos colonos que conduziu a esta situação. Nós atribuímos ao governo israelita a responsabilidade por estes comportamentos dos colonos”.

O local situa-se em território palestiniano.

O cidadão morto, um judeu ortodoxo, era sobrinho da ministra da Cultura do governo de Israel.

O exército reforçou o patrulhamento da zona, considerada crítica. Foi aqui que começou a segunda intifada, no ano de 2000.

Hoje, as ambulâncias voltaram a circular.