Última hora

Última hora

Nove manifestantes mortos no Iémen

Em leitura:

Nove manifestantes mortos no Iémen

Tamanho do texto Aa Aa

No Iémen, pelo menos nove manifestantes morreram, esta quarta-feira, em Sanaa. Segundo fontes médicas, há cerca de uma centena de feridos, dez dos quais em estado grave – pelo que o balanço das vítimas mortais pode ainda agravar-se.

Os confrontos ocorrerem durante uma manifestação, na capital iemenita. Homens à civil, militares e forças de segurança dispararam para dispersar os manifestantes.

As autoridades justificam a violência das forças governamentais alegando que havia membros da oposição armados no seio da manifestação.

Dezenas de milhares de iemenitas desfilaram nas ruas da capital, em direção ao aeroporto. Exigem a saída imediata do presidente Ali Abdallah Saleh e denunciam o plano do Golfo, que promete uma saída para a crise, mas oferece imunidade a Saleh.

O plano do Conselho de Segurança do Golfo, que prevê a transferência do poder em três meses, deverá ser assinado, este fim de semana, em Sanaa, pelo presidente, e em Riade, na Arábia Saudita, pela oposição.