Última hora

Última hora

Marrocos: vários estrangeiros entre as vítimas do atentado

Em leitura:

Marrocos: vários estrangeiros entre as vítimas do atentado

Tamanho do texto Aa Aa

Um atentado em Marrocos provocou pelo menos 15 mortos e duas dezenas de feridos. Entre as vítimas estão vários cidadãos estrangeiros, alguns de nacionalidade francesa e russa.

A explosão foi registada por volta do meio-dia num café da praça central de Marraquexe, um dos principais centros de atração turística.

As autoridades admitiram, inicialmente, tratar-se de um acidente provocado por um incêndio. O ministro do Interior confirmou, mais tarde, tratar-se de um atentado.

Uma testemunha garante que o ataque foi perpetrado por um kamikaze.

Certo é que o atentado desta quinta-feira é o mais mortífero dos últimos oito anos.

“Cheirava mal, não sabemos se era um cheiro a gás ou a pólvora. Vimos uma grande explosão idêntica às que vemos nos filmes americanos” afirma um homem.

A explosão ocorreu na cafetaria Argana, um local frequentado por turistas nacionais e estrangeiros.

Paris anunciou a abertura de um inquérito preliminar, para apurar responsabilidades. Um procedimento normal quando há cidadãos franceses vítimas de atentados no estrangeiro.

As autoridades marroquinas estão também a investigar o ataque, que ainda não foi reivindicado.