Última hora

Última hora

Euforia mediática no casamento real

Em leitura:

Euforia mediática no casamento real

Tamanho do texto Aa Aa

Repórteres do mundo inteiro tomaram de assalto a capital britânica para acompanhar o casamento real.

A cadeia alemã ZDF optou por uma cobertura bastante informal.

A televisão pública japonesa mostrou-se sóbria mas com um toque de boa-disposição.

No Japão, o dia-a-dia das pessoas continua marcado pelo tremor de terra e pelo desastre nuclear de Fukushima.

O empresário Kohei Yumoto disse que “o país atravessa um momento difícil” e vê o casamento real como uma forma de animar os japoneses.

Em Singapura, um grupo de britânicos vestiu-se a rigor para assistir à cerimónia em directo na televisão.

Estima-se que dois mil milhões de pessoas em todo o mundo tenham visto o “casamento do século” pela televisão.

A cobertura mediática do evento foi uma das mais intensas de sempre.

As principais cadeias norte-americanas enviaram centenas de profissionais para o terreno.

Quem viu televisão, não perdeu pitada.