Última hora

Última hora

Repressão de Bashar al-Assad mata dezenas de

Em leitura:

Repressão de Bashar al-Assad mata dezenas de

Tamanho do texto Aa Aa

pessoas

Na Síria, pelo menos 60 pessoas morreram durante as manifestações realizadas em todo o país contra o regime do presidente Bashar al-Assad.

Milhares de sírios desafiaram sexta-feira a proibição das autoridades e manifestaram-se contra o regime de Bachar al-Assad em várias cidades incluindo Deraa berço do movimento de protesto.

Depois do apelo para uma “sexta-feira da ira”, segundo testemunhas, cerca de 2.000 pessoas manifestaram-se em Damasco, vários milhares em Sabqa e Homs, perto de 10.000 em Banias e 15.000 em Qamichli.

Horan e Latakia também foram palco de

manifestações.

O Conselho dos direitos humanos da ONU aprovou

uma resolução que solicita o envio urgente de uma missão à Síria para investigar as violações dos direitos humanos e condena ainda “o uso da violência mortífera das autoridades sírias contra os manifestantes pacíficos”.

A resolução, proposta pelos Estados Unidos, foi adotada por 26 votos a favor, nove contra e sete abstenções.