Última hora

Última hora

Falecimento de Ernesto Sábato

Em leitura:

Falecimento de Ernesto Sábato

Tamanho do texto Aa Aa

O escritor argentino Ernesto Sábato morreu sábado

aos 99 anos na sua casa em Buenos Aires,

onde permanecia recolhido desde há anos devido a problemas de saúde.

Aos 40 anos abandonou a carreira científica para se dedicar à literatura.

O reconhecimento internacional chegou em 1961 com o livro “Sobre Heróis e Tumbas” e a consagração em 1974, com “Abddón, o exterminador”, que completam a trilogia

iniciada com “O Túnel” de 1948.

Em 1984, foi galardoado com o Prémio Literário Cervantes e presidiu à Comissão Nacional sobre o Desaparecimento de Pessoas, criada para acompanhar os casos de assassinatos durante a ditadura militar argentina.