Última hora

Última hora

Fatah e Hamas cessam hostilidades

Em leitura:

Fatah e Hamas cessam hostilidades

Tamanho do texto Aa Aa

É um dia promete entrar para a história. Ao fim de quatro anos de violência, as duas principais fações palestinianas decidiram baixar as armas.

O Fatah, que assume o poder na Cisjordânia, e Hamas, em Gaza, assinaram o fim das hostilidades no Cairo. Um acordo que abre caminho à realização de eleições dentro de um ano.

Durante a cerimónia de reconciliação, o presidente da Autoridade Palestiniana, Mahmud Abbas, referiu que, a partir de agora, Israel já não tem desculpas para atrasar as negociações de paz.

O líder do movimento radical islâmico no exílio,

Khaled Mechaal, diz estar confiante no sucesso do acordo que descreve como uma viragem “na página negra da divisão.”

Em Gaza e na Cisjordânia foram muitos os que saíram à rua para celebrar o fim da crise. Um passo que consideram necessário para a criação de um Estado palestiniano.

O último encontro entre os líderes dos movimentos rivais remonta a 2007, semanas antes de o Hamas assumir o controlo da Faixa de Gaza.