Última hora

Em leitura:

Líbia: intensificam-se os combates na frontira com a Tunísia


Líbia

Líbia: intensificam-se os combates na frontira com a Tunísia

O exército tunisino reforçou a presença na fronteira com a Líbia, depois dos combates do passado domingo entre forças leais a Kadafi e rebeldes no posto fronteiriço de Dehiba.

Há uma semana que os dois campos combatem na região. Mais de 41 mil pessoas fugiram já da Líbia pela fronteira com a Tunísia.

Os combates travam-se ao longo da estrada para Zintan, um eixo logístico bastante importante. Já esta quinta-feira, os raides da NATO destruiram dois helicópteros das forças líbias.

Entretanto, o Red Star, um navio com ajuda humanitária, que conseguiu penetrar no porto de Misrata, regressou a Benghazi levando a bordo cerca de um milhar de refugiados, entre os quais quatro dezenas de feridos graves.

Também quase duas dezenas de jornalistas que se encontravam ainda em Misrata embarcaram no barco que foi fretado pela Organização Internacional para as Migrações.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Portugal vai pagar 3,25% de juros ao FMI nos primeiros anos