Última hora

Última hora

Europa marca 66o. aniversário da capitulação nazi

Em leitura:

Europa marca 66o. aniversário da capitulação nazi

Tamanho do texto Aa Aa

Na véspera das comemorações do Dia da Vitória, o presidente russo prestou homenagem aos veteranos da Segunda Guerra Mundial.

Dmitri Medvedev encontrou-se com antigos combatentes numa cerimónia organizada no Museu Central das Forças Armadas, em Moscovo.

A Rússia assinala este domingo o sexagésimo sexto aniversário da vitória aliada sobre a Alemanha Nazi, um dia depois do resto da Europa. A diferença na data é explicada pela hora da capitulação nazi, às 22 horas e 43 minutos do dia 8 de Maio de 1945, quando já era o dia 9 em território russo.

Em França, o presidente Nicolas Sarkozy deslocou-se este ano à localidade de Port-Louis, na Bretanha, antes da tradicional parada militar nos Campos Elíseos em Paris.

O objetivo foi prestar homenagem à Resistência e, em particular, aos bretões que, há 66 anos, continuaram a lutar durante dois dias até que finalmente chegou a notícia da capitulação nazi.

Na Áustria, sete mil pessoas, incluindo sobreviventes do Holocausto e figuras políticas, marcaram o aniversário do fim da Segunda Guerra Mundial com uma marcha no antigo campo de concentração de Mauthausen, onde foram exterminados cerca de 100 mil prisioneiros.