Última hora

Última hora

Tensão aumenta entre muçulmanos e cristãos coptas

Em leitura:

Tensão aumenta entre muçulmanos e cristãos coptas

Tamanho do texto Aa Aa

A tensão está ao rubro entre muçulmanos e cristãos coptas no Cairo. Centenas de pessoas entraram em confronto na baixa da capital Egípcia depois de uma noite de violência que resultou em 12 mortos, mais de 200 feridos e pelo menos uma igreja incendiada.

No último episódio de violência, grupos de jovens atacaram uma multidão de cristãos coptas que caminhavam do edifício da Procuradoria-Geral para as instalações da televisão pública. Há o registo de vários feridos.

O exército tentou separar os dois grupos mas com alguma dificuldade. Testemunhas referem ter visto também jovens a atacar um apartamento com bombas incendiárias.

Entretanto, choraram-se os mortos na igreja de São Jorge, também no Cairo, vítimas do ataque de muçulmanos extremistas na noite passada.

O exército, que controla o poder, anunciou que iria levar 190 pessoas a tribunal militar e que não iria deixar qualquer corrente sectária ganhar uma posição dominante.

Durante a revolução egípcia, muçulmanos e coptas estiveram unidos no mesmo propósito.