Última hora

Última hora

Mais refugiados líbios em Lampedusa

Em leitura:

Mais refugiados líbios em Lampedusa

Tamanho do texto Aa Aa

Agrava-se todos os dias a situação humanitária na ilha italiana de Lampedusa, com a chegada em massa de refugiados líbios.

Esta quinta-feira, atracou ali uma embarcação com 166 refugiados que viajaram em situação extremamente perigosa, à procura de alguma segurança.

Mas a guarda costeira italiana tem infiormações mais preocupantes.

Em pleno Mar Mediterrâneo, há mais cinco embarcações em situação semelhante, tendo a bordo, no total, cerca de mil pessoas.

Entre os 166 refugiados chegados na manhã desta quinta-feira, contavam-se nove mulheres e quatro crianças.

Atracaram a Lampeduza às 6 horas de Lisboa.

A 30 milhas, estão mais duas embarcações.

Há uma embarcação, com cerca de 200 imigrantes da bordo, que ontem lançou um SOS, recebido pelas autoridades de Malta, em cujas águas territoriais se encontra.

A Marinha de Malta disponibilizou meios de socorro.

No domingo, um barco tinha encalhado ao largo de Lampeduza, com 500 viajantes em perígo e que foram salvos pela marinha italiana.