Última hora

Última hora

PS mantém calendário apesar da desgraça de Strauss-Khan

Em leitura:

PS mantém calendário apesar da desgraça de Strauss-Khan

Tamanho do texto Aa Aa

Socialistas franceses procuram fazer face ao escândalo que afeta uma das figuras mais conhecida do partido.

Esta manhã numa reunião de urgência para falar do caso Strauss-khan, apareceram as personalidades mais mediáticas do PS que responderam ao apelo de união lançado pela primeira secretaria, Martin Aubry. “Antes de mais temos necessidade de nos encontrar neste momento difícil para cada um de nós e para todos, mas também porque sabemos o que esperam de nós franceses, é preciso lembrar os objetivos e avançarmos juntos. Este é o espírito da comissão nacional”.

Apesar da prisão de Dominique Strauss-Kahn, o Partido Socialista informou que pretende manter seu calendário para as primárias das eleições presidenciais de 2012.

No seio dos socialistas o afastamento de Strauss-Khan, beneficia diretamente o ex-secretário do partido, François Hollande.

Na lista de candidatos socialistas as sondagens atribuem a Hollande 37% e a atual lider Martine Aubry 22%, quanto a Segolene Royal aparece com 14% das intenções de voto.

Os aspirantes deverão apresentar suas candidaturas entre os próximos dias 28 de junho e 13 de julho, para que possam participar do primeiro turno em 9 de outubro.