Última hora

Última hora

Em leitura:

Cannes não perdoou von Trier


Cultura

Cannes não perdoou von Trier

Num comunicado, a direção do festival de Cannes declarou, o realizador dinamarquês Lars von Trier “persona non grata”, com efeito imediato.
 

Apesar do pedido de desculpa do realizador, a direção foi implacável com von Trier após este ter feito declarações que deixaram o festival em estado de choque:
 

“Compreendo Hitler, e acho que ele sem dúvida fez coisas más, mas consigo imaginá-lo, no fim, sentado no seu bunker”.
 

As declarações de simpatia por Hitler foram feitas quarta-feira, durante a conferência de imprensa realizada após a exibição do seu filme
“Melancholia”, que integra a lista oficial de filmes em competição no festival.
 

Caso “Melancholia” ganhe a Palma de Ouro, a organização pediu ao realizador que não compareça na cerimónia para receber o galardão.

Escolhas do editor

Artigo seguinte
Bónus: Zubin Mehta e Daniel Barenboim

musica

Bónus: Zubin Mehta e Daniel Barenboim