Última hora

Última hora

Mediatização caso Strauss-kahn irrita franceses

Em leitura:

Mediatização caso Strauss-kahn irrita franceses

Tamanho do texto Aa Aa

Os franceses acompanham o desenvolvimento judicial do caso de Dominique Strauss-kahn com alguma apreensão. Do lado de cá do Atlântico a informação difundida pelos meios de comunicação norte americanos é recebida com desconfiança.

“É uma situação tipicamente americana, condenar antes de julgar, espero que ele tenha sorte é um caso muito estranho”, diz um parisiense.

“ Eu acho que ele vai ter de se defender e que a verdade deve vir ao de cima, se for culpado deve voltar para a cadeia e se não for deve voltar para casa. “ refere um entrevistado.

Em França os meios de comunicação seguiram o ritmo das notícias. Por parte da família política de Dominique Strauss- Kahn também alguma indignação.

“Não vamos ocultar toda a vida política, o problema é que a França atravessa dificuldades e não sabemos quando vai acabar este folhetim que passa o dia inteiro nas nossas televisões”, responde Segolene Royal.

O escândalo que envolve o presidente demissionário do FMI tornou-se no mais mediâtico caso judicial no Estado Unidos das últimas décadas, mas a opinião pública francesa não aprecia este mediatismo.