Última hora

Última hora

Advogado acredita que DSK será ilibado

Em leitura:

Advogado acredita que DSK será ilibado

Tamanho do texto Aa Aa

Agora que já não está na prisão, Dominique Strauss-Kahn tem o moral em alta, dizem os seus advogados. Isto, apesar de o caso estar a dar a volta ao mundo.

Acusado de sete crimes, nos Estados Unidos, incluindo o de violação, o ex-diretor-geral do FMI aguarda a leitura da acusação, agendada para 6 de junho.

O advogado Benjamin Brafman acredita num final feliz para o antigo ministro francês: “Tendo em conta o que se tem passado até aqui, se a audiência for justa, estou confiante que, no final destes procedimentos, será ilibado.”

Em França, cerca de três mil feministas manifestaram-se, este domingo, contra as reações sexistas ao caso. Sem porem em causa a presunção de inocência do acusado, apontam o dedo a todos os media e políticos que assumem um “sexismo descomplexado”.

“Não morreu ninguém” e outras frases do género alimentam, segundo as associações feministas, um clima sexista e misógino que esquece o eventual sofrimento da alegada vítima, a empregado do hotel.