Última hora

Última hora

Espanha vira à direita

Em leitura:

Espanha vira à direita

Tamanho do texto Aa Aa

É uma vaga azul que agita a Espanha, após as eleições municipais e regionais deste domingo. A menos de um ano das legislativas, numa Espanha em crise, com a maior taxa de desemprego da Europa, os espanhóis decidiram virar à direita e votaram, maioritariamente, no Partido Popular.

A nível nacional, o PP de Mariano Rajoy tem cerca de 10% de votos a mais do que os socialistas do primeiro-ministro José Luis Rodríguez Zapatero.

No mapa, pouco escapa à vaga azul que alastrou de norte a sul do país.

Em San Sebastian, no País Basco, vitória da coligação Bildu, vista como sucessora do ilegalizado Batasuna. E na Catalunha, a surpresa foi a queda de Barcelona que, desde as primeiras eleições do pós-franquismo, em 1979, estava nas mãos dos socialistas.

Trinta e cinco milhões de eleitores foram chamados às urnas, mas só 65% respondeu à chamada.