Última hora

Última hora

Eurocontrol: Cerca de 500 voos anulados

Em leitura:

Eurocontrol: Cerca de 500 voos anulados

Tamanho do texto Aa Aa

Segundo a Eurocontrol, cerca de 500 voos dos 29 mil previstos hoje para a Europa foram anulados.
 
O ponto da situação foi feito às 15:00 TMG pela organização europeia da segurança aérea que referiu também o facto da nuvem de cinzas poder vier a atingir zonas da Dinamarca, o sul da Noruega e o sudoeste da Suécia entre terça e quarta-feira.
 
“Ainda que esta erupção seja muito mais potente que a de Abril de 2010, as cinzas são mais pesadas e por isso têm a tendência para cair verticalmente e não para serem arrastadas pelo vento”, explica Giovanni Magi, jornalista especializado em aeronáutica.
 
Este ano, a decisão de voar ou suspender os voos foi deixada para as próprias companhias aéreas ainda que estas tenham que pedir sempre autorização à Autoridade da Aviação Civil competente.
 
As suspensões de voos ocorrem um ano depois da erupção de um outro vulcão islandês ter provocado o encerramento durante vários dias dos espaços
aéreos britânico e de vários países europeus.
 
“Desde então os procedimentos mudaram. As companhias aéreas, tê mais voz nesse capítulo. São as companhias que decidem voar ou não, mas sempre tendo como base um estudo técnico que deve ser comunicado e aprovado pela autoridade nacional de segurança aérea”, conclui o jornalista.
 
Entretanto, a nuvem de cinzas libertadas pelo vulcão Grimsvötn diminuiu durante a última noite e desceu para uma altura entre três e cinco quilómetros.
No início da erupção, no sábado, a nuvem atingiu cerca de 20 quilómetros de altura.