Última hora

Última hora

G8: os principais temas da agenda de Deauville

Em leitura:

G8: os principais temas da agenda de Deauville

Tamanho do texto Aa Aa

Estabelecer uma parceria duradoura entre o G8 e os países árabes que apoiam a democracia. De acordo com o presidente francês, este objetivo pode vir a marcar a cimeira de Deauville.

Nicolas Sarkozy assegurou que o encontro de dois dias no norte de França não será uma conferência de doadores, mas o certo é que as intenções de desbloquear ajuda financeira para países como a Tunísia ou o Egito já começaram a manifestar-se.

Na última semana, o próprio presidente dos Estados Unidos anunciou um plano de vários milhões de dólares para auxiliar o processo de democratização nos países árabes.

Outros membros do G8 estarão disponíveis para aligeirar a dívida destes países ou para oferecer ajuda aos investimentos necessários.

Com o apoio que se vai oferecer à Tunísia e ao Egito, Paris pretende, segundo os especialistas, enviar uma mensagem a outros estados onde as manifestações pró-democráticas estão a ser reprimidas. Caso da Síria ou Líbia.

Outro assunto que deverá estar em destaque, a Internet, com a necessidade de mais regulamentação no setor. Tudo, claro, sem esquecer o dossier quente do momento: a sucessão de Strauss-Khan no FMI.