Última hora

Última hora

Geórgia: um morto em confrontos nas ruas de Tbilissi

Em leitura:

Geórgia: um morto em confrontos nas ruas de Tbilissi

Tamanho do texto Aa Aa

Em Tbilissi, a capaital da Geórgia, as forças da ordem investiram contra centenas de manifestantes que voltaram a exigir a demissão do presidente, Michail Saakasvilli.

Alguns manifestantes estavam armados de bastões e tubos de metal. A polícia utilizou gás lacrimogéneno, balas de borracha e canhões de água. Um agente da polícia que foi atingido por um veículo acabaria por morrer. Dezenas de pessoas ficaram feridas, muitas outras foram detidas.

A justificação para a repressão policial foi o facto de, no local do protesto, a praça em frente ao parlamento, estar prevista uma parada militar por ocasião do dia da Independência.

Os manifestantes não arredaram pé e, depois da meia-noite, a polícia carregou.

Esta vaga de protestos contra o chefe de Estado georgiano já dura há cinco dias. A oposição acusa Saakashvili de monopolizar o poder desde 2003 e pede a sua demissão. O mandato presidencial acaba em 2013.