Última hora

Última hora

Balcãs: reações contraditórias ao julgamento de Mladic

Em leitura:

Balcãs: reações contraditórias ao julgamento de Mladic

Tamanho do texto Aa Aa

A comparência de Ratko Mladic perante o Tribunal Penal Internacional para a ex-Juguslávia foi seguida com bastante atenção nos balcãs.

Para muitos, Mladic é um herói e o seu julgamento é uma humilhação:

Em Belgrado, uma mulher diz que se “sente muito triste, porque tem muita simpatia por ele e gostaria que ele não se encontrasse nesta posição.”

Outros há que pensam que, apesar de tudo, é preciso fazer justiça”, como defende um cidadãos da capital sérvia.

Em Sarajevo, o sentimento é completamente diferente. A audiência foi seguida na capital da Bósnia Herzgovina em ecrãs gigantes colocados ruas. Os bósnios quiseram ver para crer:

“Nunca é tarde”, diz uma sobrevivente do cerco de Sarajevo. “pelo menos a verdade será conhecida, em memória dos que perderam a vida”, acrescenta.

E se Sarajevo e Srebrenica não esquecem Mladic pelas piores razões, os residentes de Pale, na República Serpska, dão-lhe vivas e muitos não escondem que preferiam vê-lo morto, a ser condenado.