Última hora

E.Coli: empresa de sementes suspeita

Em leitura:

E.Coli: empresa de sementes suspeita

Tamanho do texto Aa Aa

Rebentos de soja cultivados no norte da Alemanha poderão estar na origem do surto contagioso da bactéria E.coli que já provocou até agora 22 mortes e centenas de infetados em vários países da Europa.

O ministro alemão da Agricultura mostra no entanto alguma prudência em relação à acusação dos germes de soja e avisa que enquanto não houver provas concludentes todas as medidas de precaução serão atividades”.

Para já as atenções estão concentradas numa empresa é a fonte da infeção, mas só com os exames de laboratório se podem ter certezas absolutas.

As autoridades de saúde alemã desaconselham o consumo de sementes germinadas, por razões preventivas e em resultado dos mais recentes estudos.

Para já o alerta de segurança sobre os restantes legumes vai ser mantido, em especial sobre a ingestão de tomates, pepinos e alfaces.

O surto infeccioso da bactéria E.coli foi detetado na Alemanha na semana passada altura em que apontava o dedo aos pepinos espanhóis.

A economia espanhola ressentiu-se profundamente desta suspeita e os agricultores pedem agora compensações.

Em Portugal, também o ministro da Agricultura vai formalizar, amanhã, o pedido de apoio aos produtores portugueses afetados pelo surto, na reunião extraordinária de ministros da Agricultura europeus.