Última hora

Última hora

Portugueses sem grande esperança

Em leitura:

Portugueses sem grande esperança

Tamanho do texto Aa Aa

Os portugueses estão ainda a digerir o resultadio das eleições que deram maioria à direita.

Para alguns, um resultado que não é muito importante porque, quem governar está limitado ao memorando, assinado com a troika.

É aí que está escrito o programa do futuro governo, como reconhece uma jovem:

“Acabei mesmo agora de ler o jornal e penso que era o esperado. Penso que é poco importante quem ganhou, porque o acordo com a troika está feito e as principais medidas estão já decididas”.

Um governo com o programa feito pela troika, é esse o convencimento dos portugueses.

Mas há também quem gostasse de um governo tri-partido, juntando PSD, PS e CDS:

“Deviamos ter uma maioria mais alargada, dos partidos que assinaram o acordo com a troika. Porque o principal problema que afecta Portugal é o emprego”.

O enviado da euronews a Lisboa, Annibal Fracasso diz que “o sentimento das pessoas é de saudade, essa mistura de nostalgia e de resignação, de um Portugal estrangulado pela dívida e à beira do abismo financeiro. Muita pouca gente pensa que o país possa salvar-se”.