Última hora

Última hora

E.coli: Compensações financeiras para produtores podem ser revistas

Em leitura:

E.coli: Compensações financeiras para produtores podem ser revistas

Tamanho do texto Aa Aa

A proposta de um pacote de 150 milhões de euros de ajuda financeira destinado aos produtores afetados pelo surto da bactéria E.coli não gera consenso.

Perante as reações que denunciam insuficiência, o Comissário Europeu da Agricultura, Dacian Ciolos, promete mais compreensão: “Assumi o compromisso de rever estes números, de rever o nível das compensações e o montante global e voltar com uma proposta melhorada, mas que seja substancial, equilibrada e justificada à situação atual.”

A proposta inicial da Comissão Europeia não agrada à ministra espanhola da Agricultura, que invoca perdas na ordem dos 200 milhões de euros por semana, depois da Alemanha responsabilizar os pepinos da Andaluzia por esta crise.

Apesar disso, o comissário europeu para a Saúde e Defesa do Consumidor, John Dalli, elogia o sistema de alerta sanitário europeu: “Não digamos ou insinuemos que os sistemas de segurança alimentar que temos na Europa não são efetivos. Acredito que as nossas políticas sobre produção alimentar e sobre segurança alimentar são as melhores do mundo.”

As melhores políticas do mundo, mas que não são infalíveis, conforme mostrou o surto da nova estirpe da bactéria E.coli.