Última hora

Última hora

Obama apela à solidariedade de Merkel na crise grega

Em leitura:

Obama apela à solidariedade de Merkel na crise grega

Tamanho do texto Aa Aa

Um jantar oficial na Casa Branca em honra da chanceler alemã, com a crise económica europeia no menu.

Barack Obama apelou ontem a Angela Merkel para que não abandone a Grécia, num momento em que o FMI e a Comissão Europeia ultimam os contornos de um segundo plano de resgate financeiro.

Um tema difícil para a Chanceler, depois do seu ministro das finanças ter apelado à contribuição dos bancos privados na reestruturação da dívida grega.

Economia à parte, o jantar foi também uma oportunidade para reforçar os laços diplomáticos entre os dois países, depois das reservas da Alemanha quanto à ofensiva da NATO na Líbia.

Obama atribuiu a medalha da liberdade à Chanceler, uma das mais importantes condecorações civis nos Estados Unidos.

A visita de Merkel foi marcada também pela pressão europeia para manter o controlo sobre o FMI. A Chanceler teria pedido o apoio de Obama à candidatura da francesa Christine Lagarde.

Uma outra forma de brindar às boas relações transatlânticas.