Última hora

Última hora

Mais de duas centenas de mulheres dizem ter sido violadas na Líbia

Em leitura:

Mais de duas centenas de mulheres dizem ter sido violadas na Líbia

Tamanho do texto Aa Aa

Esta mulher afirma ter sido violada pelas tropas de Muammar Kadhafi e não é a única.

Depois das acusações, as provas. De acordo com os investigadores há indícios de que o coronel ordenou violações em massa e distribuiu estimulantes sexuais aos soldados.

“Encontramos no leste da Líbia 259 mulheres que dizem ter sido violadas e falámos 140” refere a investigadora e professora de psicologia Seham Sergewa.

A investigação está em curso desde fevereiro.

O Tribunal Penal Internacional não exclui a hipótese de juntar a violação aos crimes de guerra do coronel.

O governo rejeita as acusações:

“É tudo um disparate. Sempre dissemos às pessoas para que venham ao terreno investigar as acusações contra nós” afirma Moussa Ibrahim, porta-voz do governo.

O chefe da missão do Conselho das Nações Unidas, em Trípoli e em zonas controladas pelos rebeldes, no final de abril, tem dúvidas quanto à política de violação em massa e fala de uma histeria generalizada.