Última hora

Última hora

Bachar exorta refugiados a regressar a casa

Em leitura:

Bachar exorta refugiados a regressar a casa

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente sírio chama os refugiados para que regressem a casa e promete segurança.
 
O êxodo rumo à Turquia de mais de oito mil sírios obrigou o governo turco a ter de encarar seriamente o problema enquanto a repressão militar e os massacres continuam no norte da Síria, berço da rebelião.
 
Este refugiado explica que tiveram de fugir porque foram atacdos pelos militares que expulsaram as pessoas das suas casas e dispararam contra elas.
 
Mais de 70% da população de Maarat al Numaan’s abandonou a cidade, assim como Jirs al Shoghour cercada pelos militares desde há várias semanas, onde se registaram dezenas de mortos e centenas de detenções incluindo adolescentes.
 
O governo sírio afirma estar apenas a combater grupos armados e a televisão estatal mostra as armas recuperadas aos rebeldes.
 
Um forte aliado de Damasco, o primeiro-ministro turco prometera que mudaria de tom com Assad após as eleições, mas ainda não mostrou uma condenação firme aos massacres em curso.
 
Ancara deve hoje receber um enviado sírio para falarem da situação dos refugiados enquanto em Damasco as manifestações contra o regime se mantém na rua.
 
Ontem à noite grupos de revoltosos queimaram bandeiras iranianas e do Hezbolah suspeitos de apoiarem o regime sírio.