Última hora

Última hora

Líbano: Alta tensão entre xiitas e sunitas na "rua da Síria"

Em leitura:

Líbano: Alta tensão entre xiitas e sunitas na "rua da Síria"

Tamanho do texto Aa Aa

O governo libanês reforçou a segurança no norte do país, depois dos confrontos de ontem entre xiitas e sunitas terem provocado seis mortos na cidade de Tripoli.

Centenas de militares foram mobilizados para patrulhar a rua da Síria, o eixo altamente sensível que separa os bairros de Bab el-Tebbané e Jabal Mohsen, onde são frequentes os incidentes entre as duas comunidades.

O exército afirma ter detido várias pessoas, depois de ter sido alvo de disparos esta manhã. Dezenas de habitantes estarão a abandonar o bairro temendo novas cenas de violência.

Na origem dos confrontos, a manifestação organizada ontem pela comunidade sunita, em apoio à revolta na Síria.

Um gesto que inflamou os ânimos entre os xiitas, a maioria alaouitas, à semelhança do presidente sírio Bashar Al Assad.

Entre as nove vítimas mortais, encontra-se um soldado, um responsável militar de um partido alaouita e um adolescente sunita.

O primeiro-ministro libanês não hesitou ontem em acusar os partidos pró-sírios de tentarem desestabilizar o país. A revolta na Síria já levou ao êxodo de centenas de pessoas para território libanês, ameaçando reacender a tensão entre pró e anti-sírios no país.