Última hora

Última hora

Mónaco: os dois homens que conduzem o casamento real

Em leitura:

Mónaco: os dois homens que conduzem o casamento real

Tamanho do texto Aa Aa

O Mónaco assiste dentro de poucos dias não a uma, mas duas bodas reais.

O príncipe Alberto II e Charlene Wittstock contarão, na sexta-feira com uma cerimónia civil, conduzida por Philippe Narmino, na qualidade de Presidente do Conselho de Estado.

O ato decorrerá na Sala do Trono do Palácio do Príncipe.

Narmino afirma que, para ele, será “um momento excecional”, já que “certamente “não voltará a ter a oportunidade de “casar um príncipe”.

Um dia depois, no sábado, o príncipe e a futura princesa voltarão a ser unidos numa cerimónia religiosa, conduzida pelo Arcebispo do Mónaco, Bernard Barsi.

Como seria de esperar, também o arcebispo se diz “muito feliz e honrado de celebrar o casamento”. Acrescenta que será “emotivo”, pois conhece o príncipe “há 10 anos, desde que chegou ao Mónaco”. Pode “conhecê-lo de perto e, agora, descobrir também Charlene Wittstock”. Será “uma grande alegria celebrar o casamento, sentindo que todo o Mónaco o apoia”.