Última hora

Última hora

Regime sírio responde com fogo a contestação popular

Em leitura:

Regime sírio responde com fogo a contestação popular

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de sírios desfilaram esta sexta-feira por várias cidades do país em mais uma jornada de protesto contra o regime do presidente Bashar al-Assad.

A capital, Damasco, foi palco de concentrações massivas. Um manifestante foi morto pelas forças de segurança e vários ficaram feridos, de acordo com militantes da oposição.

A manifestação mais importante aconteceu na cidade de Hama, no centro do país, onde mais de 500 mil pessoas desfilaram no dia batizado como a data de partida do presidente.

Em Homs, a repressão polícial provocou a morte de pelo menos três pessoas e feriu outras 12.

Registaram-se ainda focos de tensão em Alep, a segunda cidade síria e na província de Idleb, no noroeste do país.

A televisão estatal divulgou imagens da manifestação na cidade de Sweida, a sul de Damasco, onde os defensores do Presidente Bashar al-Assad marcharam com uma bandeira síria de 1700 metros.