Última hora

Última hora

Marroquinos exigem reforma mais alargada

Em leitura:

Marroquinos exigem reforma mais alargada

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de marroquinos manifestaram-se em várias cidades do país para exigir reformas políticas e constitucionais mais alargadas.

Os protestos foram convocados pelo Movimento de 20 de Fevereiro, motor da vaga de contestação lançada no início do ano.

Os manifestantes exigem o estabelecimento de uma monarquia parlamentar inspirada no modelo espanhol, uma maior justiça social e o fim da corrupção.

A mobilização acontece dois dias depois da aprovação, em referendo, de uma reforma constitucional que reforça os poderes do primeiro-ministro e do Parlamento, mas que conserva a preeminência política e religiosa do rei Mohammed VI.

Em Casablanca, foi mobilizado um importante dispositivo policial para tentar separar os protestos de manifestações de apoio ao monarca, durante as quais foram queimados cartazes do movimento contestatário.