Última hora

Última hora

Discurso de Luther King inspira revolta síria

Em leitura:

Discurso de Luther King inspira revolta síria

Tamanho do texto Aa Aa

Foi a tiro que as tropas fiéis a Bashar al-Assad tentaram, esta terça-feira, silenciar os protestos em Hama.

As informações que chegam da cidade situada no oeste da Síria são escassas. Segundo organizações de defesa dos direitos do homem, pelo menos 10 civis foram mortos nas últimas horas, mais de 30 ficaram feridos.

À semelhança do que aconteceu noutras cidades do país, também aqui centenas de pessoas fugiram à repressão.

Para trás deixaram uma mensagem que continua visível nas paredes de alguns edifícios: “Queremos ser tratados como humanos e estão a matar-nos.”

Hama é conhecida como a terra da contestação e as tentativas para silenciar os protestos antigovernamentais inflamaram os ânimos da população.

O presidente sírio demitiu o governador por ter autorizado uma manifestação que na sexta-feira reuniu cerca de 150 mil pessoas.

Esta segunda-feira, milhares de sírios voltaram à rua para dizer a alto e bom som que tal como Martin Luther King, também eles, têm um sonho.