Última hora

Última hora

Assassinado Facundo Cabral na Guatemala

Em leitura:

Assassinado Facundo Cabral na Guatemala

Tamanho do texto Aa Aa

Facundo Cabral, um dos mais importantes cantores da música popular da América Latina, foi morto a tiro, este sábado, na Guatemala.

Segundo a polícia, o carro do músico argentino foi atingido por disparos, quando ia para o aeroporto, na capital, depois de um concerto.

“Facundo Cabral, de 74 anos de idade, foi morto num ataque que começou a 300 metros do local onde nos encontramos, a 300 metros do quartel dos bombeiros”, explica o porta-voz dos bombeiros.

A morte de Cabral, uma das vozes contra as ditaduras militares da região, está a deixar a América Latina em estado de choque.

“Hoje, repudiamos um crime terrível que deixa de luto a Guatemala. Um crime que está a criar horror e medo. Não posso deixar de pensar que ele foi morto pelos seus ideais. Não há outra razão para precisarmos de assassinar alguém na Guatemala”, diz a Nobel da Paz Rigoberta Menchu.

O governo do país diz que o alvo não era o cantor mas um empresário que viajava com ele.