Última hora

Última hora

FBI investiga News Corporation

Em leitura:

FBI investiga News Corporation

Tamanho do texto Aa Aa

O FBI abriu a investigação ao alegado acesso ilegal da News Corporation ao arquivo telefónico de vítimas dos atentados de 11 de Setembro.

A decisão surgiu por pressão de um congressista face à gravidade das alegações do jornal britânico The Daily Mirror na segunda-feira. No entanto, a polícia federal norte-americana não terá provas de qualquer ato ilícito

O magnata da comunicação Rupert Murdoch está sob pressão, não só pelas investigações em curso, mas também pelo descontentamento de algumas pessoas.

Ao Wall Street Journal, também propriedade do grupo News Corporation, Murdoch disse que “o mais importante de tudo é garantir a integridade aos olhos do público e ser o mais transparente possível”.

O homem forte da News Corporation aceitou ser ouvido por uma comissão de inquérito, tal como o filho, James. Antes, os dois tinham manifestado indisponibilidade para comparecer.

Escutas telefónicas a vítimas de crimes mediáticos, a familiares de vítimas de guerra ou mesmo a políticos, e também corrupção de polícias para obter informações, estão na origem de uma caso cada vez maior.