Última hora

Última hora

Murdoch agredido na audiência parlamentar

Em leitura:

Murdoch agredido na audiência parlamentar

Tamanho do texto Aa Aa

Rupert Murdoch garante que não sabia nada sobre as escutas ilegais do News of the World.

O magnata dos media foi ouvido numa comissão parlamentar no Reino Unido e foi alvo de um ataque em plena audiência. O autor da agressão terá sido o actor norte-americano Johnnie Marbles, que assistia à audiência. Marbles atirou um recipiente com gel de barbear para cima de Murdoch, antes de ser imediatamente detido pela polícia.

O caso obrigou a uma breve interrupção no interrogatório. Murdoch reapareceu 15 minutos depois, aparentemente sem ter sido afetado pelo episódio.

O patrão da News Corporation foi ouvido juntamente com o filho James, presidente da filial britânica do grupo.

“O News of the World representa menos de 1% do nosso grupo, que emprega 53 mil pessoas em todo o mundo. Esses trabalhadores têm brio e ética. São pessoas distintas”, disse o magnata durante os interrogatórios.

Além dos Murdoch, pai e filho, também a ex-diretora do News of the World, Rebekah Brooks, foi ouvida pela comissão. O jornal foi obrigado a fechar na sequência do escândalo.

Disse Brooks: “Com certeza que cometemos erros no passado, mas acreditamos, e penso que todos concordam, que assim que tivemos a prova das escutas agimos depressa e de forma acertada”.

Brooks desmente assim qualquer envolvimento da direção do jornal nas escutas a políticos e celebridades.

No exterior do parlamento, várias dezenas de manifestantes protestavam contra o império dos media de Murdoch, espalhado por todo o mundo, e pedem que o magnata seja levado perante a justiça.

Na mira dos manifestantes está também o primeiro-ministro David Cameron, que vai na quarta-feira explicar-se nesta comissão, a respeito da contratação de um antigo editor do News of the World como diretor de comunicação.